10 benefícios de um seguro de viagem


Conheça os benefícios de um seguro de viagem.

Ao planear uma viagem, está sempre à procura de informações sobre o destino, voos e alojamento mais convenientes para si? Ao pensar nos problemas que possam surgir antes e durante a viagem, as asseguradoras oferecem vários tipos de seguro de viagem, a fim de auxiliar o viajante com esses possíveis problemas emergentes. Já pensou em comprar um? Conhece os benefícios de um seguro de viagem?

Um seguro de viagem irá assisti-lo em imprevistos antes e durante a viagem. Problemas de saúde, com a bagagem, causas que o impeçam de viajar... Definitivamente, são muitos os motivos para adquirir este tipo de apólices. Além disso, existem vários países que exigem seguro de viagem. Sabe quais?


1. Proteção durante 24 horas, 365 dias do ano.

O seguro de viagem será o seu melhor amigo durante a estadia fora de casa. Contactar o serviço de assistência 24 horas da asseguradora irá ajudá-lo a resolver as incidências relacionadas com a sua viagem da melhor forma, saber como atuar e qual a documentação necessária para desfrutar das coberturas da sua apólice.

Os problemas mais comuns pelos quais os viajantes usam o seguro de viagem são a necessidade de um atendimento médico, cancelamento da viagem, demora ou cancelamento de voos e extravios de bagagem.


2. Receber uma assistência médica de qualidade.

Ficar doente e receber cuidados de saúde de qualidade de uma maneira rápida e eficaz é a nossa maior preocupação quando viajamos para fora do nosso país. Esteja onde estiver, um seguro de viagem garante uma assistência médica de qualidade, e sempre sem custos adicionais. Seja devido a uma constipação ou a uma lesão devido a um acidente, será atendido nos melhores centros médicos de todo o mundo, incluindo testes de diagnóstico.

E, se não entender o que lhe diz o médico ou farmacêutico? A asseguradora colocará à sua disposição um tradutor. E, se precisar de medicamentos que não estão disponíveis no destino? O seguro encarregar-se-á de os enviar o mais rápido possível. Se necessitar de uma ambulância para ir ao médico, a asseguradora também encarregar-se-á desses custos, mesmo se a sua saúde piorar e tiver que regressar a casa.


3. Poupar dinheiro.

O custo do seguro de viagem varia em função do tipo de deslocamento que realize, mas não supõe um grande investimento, quando comparado com o preço total da viagem. Se tiver alguma incidência durante as suas férias e tiver um seguro de viagem, irá poupar nos gastos resultantes desse problema, desde que esteja coberto pela apólice.

Por exemplo, no caso de assistência médica, existem países em que uma simples visita ao médico por uma doença menor pode custar mais do que o próprio seguro. Nos Estados Unidos, um dia no hospital pode custar quase 4.000 €, enquanto que o seguro por 8 dias de viagem a este país custaria pouco mais de 100 €. Ou, se o seu voo estiver atrasado e for forçado a alterar os seus planos ou perder alguns dos serviços reservados (noites de hotel, excursões, translado...), o seguro cobrirá os custos do seu plano B ou o reembolsará pelo custo desses serviços não usufruídos. Além disso, se precisar, a asseguradora adianta o dinheiro para que possa continuar a sua viagem.


4. Poupar tempo.

Um dos muitos benefícios de um seguro de viagem é resolver as suas dúvidas e facilitar a gestão da viagem, principalmente no caso de eventos e incidentes imprevistos, como por exemplo, a companhia aérea perder a sua bagagem de mão ou atrasar a entrega da mesma.

Em caso de problemas com a bagagem, as companhias aéreas geralmente demoram em média 42 horas para levar a bagagem ao viajante, tempo mais do que suficiente para estragar os seus planos de viagem. Por esse motivo, o seguro inclui cobertura para que possa comprar bens essenciais e continuar a sua viagem (roupas, cuidados pessoais, medicamentos...).

É certo que nestes casos os passageiros têm direito a receber uma indemnização por parte da companhia aérea, mas com o seguro pode poupar muito tempo. Segundo dados da InterMundial, as asseguradoras costumam reembolsar a indemnização por atraso ou perda de bagagens em 15 dias, um período de tempo menor ao que tardariam as companhias aéreas, que além disso, requerem um maior procedimento e mais documentação. De facto, quase metade das reivindicações das asseguradoras são resolvidas em duas semanas.


5. Cancelar a viagem até um dia antes de partir.

Ser proativo ao planear as suas férias reduz as possibilidades de prever mudanças ou situações que possam impedi-lo de viajar: trabalho, saúde, razões burocráticas, entre outras. Um seguro de viagem com coberturas de cancelamento dar-lhe-á a tranquilidade de organizar a viagem sabendo que, caso seja surpreendido por um grande imprevisto, poderá cancelar a sua viagem até um dia antes do início sem perder o dinheiro investido.

Recuperará igualmente os gastos se, uma vez no destino, tiver que interromper a viagem e regressar a casa precipitadamente. O seguro se encarregará da viagem de regresso e do reembolso dos dias não desfrutados.


6. Informe-se sobre a sua viagem.

A asseguradora estará sempre disponível para resolver qualquer dúvida ou problema que tenha durante a sua viagem ou até mesmo antes e depois da mesma: desde informar sobre como obter o visto, indicar o centro médico ao que deverá ir em caso de necessidade, cancelamento de cartões de crédito em caso de roubo ou enviar de volta algum objeto esquecido no estrangeiro.


7. Poder regressar a casa antes do tempo previsto.

É obrigado a regressar a casa precipitadamente devido a uma doença ou acidente durante a sua viagem? Se, como dissemos, o seguro de viagem cobre as despesas médicas em todo o mundo, também cobre as despesas de busca e resgate em caso de acidente durante a prática de desportos de aventura ou de repatriamento em transporte médico. Tenha em conta que estas garantias não estão incluídas no Cartão Europeu de Seguro e de Doença, nem em muitos seguros médicos.

O seguro de viagem faz frente a outros gastos derivados da assistência médica que possa receber, como, por exemplo, o deslocamento de um familiar para que o acompanhe caso permaneça hospitalizado.


8. Não existe um único seguro de viagem. Este adapta-se a si.

Converse com a asseguradora para adquirir o seguro de viagem mais adequado a si e às suas férias. Entendemos que não precise das mesmas coberturas se viajar em cruzeiro, se for de férias a uma praia ou praticar desportos de risco. Na escolha da melhor apólice também entram em jogo o/os destino/s e o tempo que durará a viagem.

Por este motivo, pode optar por umseguro desportivo, se entre os seus planos no destino está a prática de esqui, surf, trekking ou outras atividades na natureza; se vai de Erasmus, proteja-se com um seguro para estudantes.


9. O seguro de saúde ou o seguro do cartão de crédito não são suficientes.

Já tem um seguro médico privado ou conta com coberturas de assistência em viagem no seu cartão de crédito? Um seguro de viagem específico oferece-lhe muitas mais vantagens e garantias frente aos dois seguintes:

Com respeito ao seguro médico:

- Coberturas: o seguro médico apenas o cobrirá em situações relacionadas com a assistência médica no estrangeiro, enquanto que o seguro de viagem cobre outras coisas como o repatriamento ou problemas relacionados com o equipamento, documentação, transporte, alojamento ou cancelamento da viagem.

- Preço: os seguros médicos costumam ser contratados de ano em ano, mas se a sua intenção é estar coberto apenas durante o período de férias, será mais rentável contratar um seguro de viagem que abarque apenas esse período, sem necessidade de pagar uma apólice durante um ano inteiro, se não a vai desfrutar.

- Assistência sanitária no estrangeiro: ao contactar diretamente o número de assistência 24 horas da asseguradora, saberá a que centro médico deverá dirigir-se e terá cobertos os gastos médicos de uma maneira imediata, sem ter que esperar por futuros reembolsos. Isto é especialmente importante em países como os Estados Unidos, onde a assistência médica pode alcançar valores muito elevadas.


Relativamente ao seguro incluído nos cartões de crédito:

- Âmbito de atuação: apenas cobrem viagens fora de Portugal que tenham sido compradas com esse cartão. Já o seguro de viagem abarca viagens nacionais e internacionais.

- Assistência médica: os seguros de viagem incluem limites de gastos médicos mais elevados, chegando a cobrir até 2,5 milhões de euros. Além disto, também compreendem a contratação de um intérprete em caso de hospitalização.

- Bagagens: mediante estas incidências, as quantias económicas cobertas pelos seguros de viagem são mais elevadas.

- Problemas com o meio de transporte: as compensações económicas dos seguros de viagem também são mais altas e, além disso, contemplam garantias mediante a perda de links devido a acidentes "in itinere". Estes acidentes ocorrem durante um deslocamento em viagem: de casa ao aeroporto no seu próprio veículo ou no transfer até ao hotel, após a chegada ao destino.

- Responsabilidade civil: os seguros de viagem também o ajudam em situações relacionadas com os danos a terceiros, antecipando gastos de defesa legal ou de fianças judiciais no estrangeiro.

- Cancelamento: a possibilidade de cancelar a viagem antes do seu início ou interrompê-la não está incluída em todos os seguros de viagem dos cartões de crédito. Se o fizerem, contemplam uma lista de causas de cancelamento muito mais reduzida.

- Atendimento ao cliente: são poucos os seguros de assistência em viagem incluídos nos cartões de crédito que garantam um serviço de informação gratuito de forma contínua.


10. Porque existem países onde é obrigatório.

Existem certos países que exigem seguro de viagem, isto é, além de ser recomendado, é obrigatório. Por exemplo, a Rússia e a Bielorrússia exigem que todos os seus visitantes tenham um seguro de viagens com uma ampla cobertura de despesas médicas e repatriamento.

Mais concretamente, a qualidade da assistência médica na Rússia varia de regiao para região, podendo ser necessário receber assistência médica num centro privado.

Se desejar viajar a estes e aos restantes países que exigem seguro de viagem, o nosso seguro de viagem Totaltravel é completamente válido.

Utilizamos cookies para te proporcionar a melhor experiência possível. Mais info.

fechar