Como evitar problemas com a bagagem de mão no avião?


Depois de ler este artigo, evitará problemas não só ao voar com a sua bagagem de mão, mas também ao prepará-la.

A lista de roupa, sapatos, complementos ou cosméticos para a sua viagem é interminável ou, por mais que a reveja, parece sempre incompleta? Deverá ter claro que, se quiser viajar com apenas uma bagagem de mão, não pode colocar tudo o que quer dentro da mala. Deverá ter em consideração as normas das companhias aéreas. Estas normas, no entanto, parecem cada vez mais numerosas e complicadas.

Muitos viajantes não querem que sua mala de mão vá para o porão por medo que se perca. Muitas vezes, esta não corresponde às medidas ou peso máximo estipulado pela companhia aérea e somos obrigados a colocar a mala de mão no porão. Esta situação incomoda aqueles que viajam com apenas uma mala de cabine.

Por isso, informa-se bem sobre o peso e tamanho da mala de cabine e resolva todas as dúvidas que tem sobre como preparar uma mala de mão, como por exemplo, se a companhia aérea permite levar mochilas ou carteiras adicionais, ou se há materiais ou produtos proibidos que não o deixarão passar no controlo de segurança.


Entre as regras para voar, estão a dos pesos e medidas da mala de mão. Informe-se sobre as mesmas.

Existem companhias aéreas onde as regras aplicadas à bagagem de mão variam consoante a classe em que viajamos. Por exemplo, a Vueling estipula que as medidas da mala de mão devem ser de 55x40x20 cm, como máximo. No entanto, dependendo da tarifa paga, o peso da mesma pode variar entre os 10 e os 14 kg. Por outro lado, Iberia permite que os passageiros que viajam em classe Business Plus viagem com duas malas de mão que não superem os 56x42x25 cm cada uma.

Também deverá querer saber se, além de levar uma bagagem de cabine, é possível levar uma bolsa extra.

Existem companhias aéreas que permitem que leve uma bolsa extra e outros objetos, além da mala de cabine. Estes elementos, que podes levar contigo dentro do avião sem ter que pagar mais, podem ser: casaco, guarda chuva, muletas, andarilho, bolsa, mochila, carteira, portátil, produtos comprados nas lojas Duty Free no aeroporto de saída, entre outros. E, se viaja com um bebé, pode levar uma mochila extra com a sua comida, bebida e tudo o que seja necessário para o seu bem estar durante o voo.

As bolsas extra devem ser colocadas por baixo do assento que está à tua frente, exceto se viaja junto a uma saída de emergência, neste último caso deverá guardá-las no porta bagagem do avião.

Bagagens especiais como carrinhos de bebés dobráveis, cadeiras de bebés, cadeiras de rodas ou muletas também podem subir ao avião. No entanto, a companhia aérea pode colocá-los no porão por falta de espaço ou por razões de segurança, dependendo das caraterísticas de cada avião.

Neste artigo deixamos uma tabela com as principais regras das companhias aéreas, relativamente à classe de turista, sobre as dimensões e peso máximo da bagagem de mão e bolsas extra (portátil, bolsa, mochila, etc).

Mesmo que respeite as regras relativas à bagagem de mão, é possível que a companhia aérea o deixe colocar a mala no porão gratuitamente.

As companhias aéreas são cada vez mais restritas quanto às regras da bagagem de mão devido à limitação de espaço. Com o objetivo de garantir uma maior comodidade e segurança a bordo, as malas de mão, mesmo ao respeitarem as medidas e pesos estabelecidos, podem ser recolhidas pela tripulação na porta de embarque para colocá-las no porão, sem custos adicionais para os viajantes. A tripulação colocará uma etiqueta na sua mala de mão e dar-lhe-á uma cópia da mesma para que possa recolhê-la do aeroporto de chegada ou reclamá-la em caso de perda ou demora na entrega.

Se tiver prioridade em embarcar ou for dos primeiros na fila de espera para entrar no avião, terá maiores possibilidades de que a sua mala de mão não vá para o porão.


Existem companhias aéreas que cobram por voar com mala de cabine?

Embora pareça mentira, existem algumas companhias aéreas que cobram aos passageiros por levarem uma mala de mão.

Em maio de 2019, a política de malas da Ryanair mudou. Apenas os passageiros que comprarem com "Prioridade e 2 malas de mão", "Bilhete Plus/Flexi" ou um bilhete de voo com escala podem levar 1 mala pequena de cabine que deve caber por baixo do assento da frente (40 cm x 20 cm x 25 cm) e, uma mala de 10 kg (55 cm x 40 cm x 20 cm), que deverá caber no compartimento superior do avião. Também são permitidos sacos Duty Free na cabina, que deverão ir juntamente com a mala de mão. O passageiro deverá pagar um extra de entre 6 € e 12 € para poder viajar com a sua mala de mão no compartimento superior do avião.

A companhia aérea americana, United Airlines, tem uma tarifa que se chama "basic economy", mais barata que a "economy", e que estipula que "não está permitido bagagem de mão nos compartimentos superiores", sendo apenas autorizada a entrada no avião de pessoas com mochilas que caibam por baixo dos assentos da frente.

Por outro lado, a companhia aérea Wizz Air, apenas permite subir a bordo, e sem gastos adicionais, o equipamento de mão "pequeno", cujas medidas não excedam os 40x30x20 cm. No entanto, para voar com uma mala de mão grande (55x40x23 cm), cujas dimensões são muito parecidas às da maioria das companhias aéreas que não cobram por viajar com uma mala de cabine, devemos pagar o serviço WIZZ Priority.


Esclarecidas as dúvidas do avião, mas o que acontece com a bagagem de mão noutros transportes?

Autocarros, carros partilhados, taxis, comboios... É preciso utilizar outro meio de transporte para chegar ao aeroporto? De certeza que as regras de malas de mão em comboios são mais flexíveis que as das companhias aéreas, no entanto, aconselhamos-te a ter em conta o espaço e as normas do mesmo relativamente ao transporte de bagagem. Mais vale prevenir do que remediar! Por exemplo, existem cidades como Praga onde o bilhete de autocarro ou metro é mais caro porque leva malas consigo. Se viajar com amigos ou familiares em carro, é melhor que cheguem a um acordo sobre a quantidade de malas de mão que vão levar. Este tipo de situações além de serem incómodas, são também inseguras.


Além das dimensões e pesos da mala de cabine, tenha atenção ao que pode ou não levar dentro da mala de mão.

Uma faca, um taco... existem objetos perigosos que não podem ser levados dentro da mala de mão. No entanto, existem outros que talvez pense que não se podem levar e que são admitidos.

Antes de prepar a sua mala de mão, é necessário que consulte as regras da companhia aérea para estar seguro do que podes ou não levar, evitando assim que lhe tirem determinados objetos, e para que a sua passagem pelo controlo de segurança seja feito de maneira rápida. Quem nunca ficou sem um shampoo ou sem um creme ao passar pelo controlo de segurança?

Carta de condução

As companhias aéreas têm uma lista de objetos proibidos a levar na mala de mão.

- Objetos pontiagudos ou cortantes: facas, navalhas, saca-rolhas, tesouras, guarda-chuvas pontiagudos.

- Ferramentas: martelos, chaves de fenda, brocas, etc.

- Equipamentos desportivos: tacos de golf, remos, skate, canas de pesca, equipamentos de artes marciais, bastões de ski ou caminhadas, etc

- Armas. Surpreendentemente, também estão proibidas as armas de brinquedo.

- Materiais explosivos ou inflamáveis: fósforos, álcool em gel, combustível, tinta, fogos de artifício, etc.

- Líquidos oxidantes: lixívia, tintas para o cabelo, etc.

- Substâncias tóxicas: inseticidas, venenos para animais, etc.

- Material infeccioso ou com risco biológico, por exemplo, virús, bactérias ou sangue infetado.

- Gases comprimidos: aerossóis, gás butano, tanques de mergulho, garrafas de oxigénio, garrafas de gás para camping, etc.


Existem, no entanto, objetos aceites dentro da mala de mão que talvez fossem considerados por si como não permitidos.

Alguns dos objetos que pode levar no avião, mas que podem gerar dúvidas são: colher, talheres de plástico, tesouras pequenas ou de ponta redonda, corta unhas, pinças, agulhas de coser, lâminas de barbear descartáveis, fósforos, seringas hipodérmicas, pau da selfie, pára quedas, cigarros eletrónicos (apenas na mala de mão, não são permitidos no porão) ou isqueiros.

As baterias de lítio estão limitadas pelas suas características e, se forem na mala de mão têm que estar dentro da sua embalagem original ou dentro de sacos de plástico para evitar curto circuitos.


Lembre-se que existem regras específicas para levar líquidos na bagagem de mão.

Em Portugal são aplicadas medidas de segurança sobre os líquidos a transportar na mala de mão a todos os viajantes que sairem desde qualquer aeroporto da União Europeia, Suíça, Islândia, Noruéga, Brasil, EUA e África do Sul.

Mas, o que é considerado líquido nos controles de segurança dos aeroportos? Água e outras bebidas; cremes, pasta de dentes, loções e azeites; perfumes e colónias; gel de duche ou shampoo; espuma de barbear; desodorizantes roll-on; maquilhagens em creme (máscara de pestanas, BB cream, gloss, etc.); aerossóis (laca, desodorizantes...); alimentos de consistência líquida, cremosa ou pastosa: sopas, marmeladas, patés, molhos, xaropes ou cremes de queijo.

A regra indica que:

- Os líquidos, géis e /ou aerossóis devem ir em recipientes individuais com uma capacidade igual ou inferior a 100 ml.

- Estes recipientes devem estar dentro de uma necessaire ou bolsa transparente com um sistema de abertura e fecho (zip), cuja capacidade não seja superior a 1 litro.

- Esta bolsa deve ser retirada da tua mala de mão e apresentada separadamente nos controlos de segurança do aeroporto. Por isso, os recipientes onde estão os líquidos devem estar dentro do necessaire, de modo a que os seguranças o inspecionem de forma ágil.

Um conselho: coloque o necessaire transparente dentro de um saco de plástico, assim, caso algum produto derrame, evita que o resto dos produtos que estão dentro da sua mala se sujem.


Existem exceções à regra de líquidos que se pode levar dentro da bagagem de mão no avião?

Sim. Se viaja com bebés pode levar, além dos recipientes no necessaire, alimentos líquidos como leite, água ou sumo num biberão e comida (puré, papas, etc.). Também são admitidos produtos dietéticos, medicamentos (líquido, gel ou aerossol), insulina, e outros medicamentos necessários em quantidades suficientes para a viagem. Tenha em conta que poderão pedir as receitas médicas ou outro documento que acredite a autenticidade ou necessidade de tomar tais líquidos nos controlos de segurança.

Também podes colocar na tua bagagem de mão todos os produtos líquidos que compres nas lojas dos aeroportos da União Europeia situadas depois do controlo de segurança, ou todos os produtos que compres a bordo de um avião de uma companhia aérea comunitária, com as seguintes excepções:

- Voos de ida e volta no mesmo dia em aeroportos da UE, África do Sul ou EUA.

- Voos de escala em aeroportos da UE, África do Sul ou EUA.

Nestes casos, deverá colocar todos os produtos juntamente com o ticket de compra em sacos especiais fechados. Assim, evitará que confisquem esses produtos nos controlos de segurança.

Se comprou líquidos num voo com origem num aeroporto de um terceiro país, não poderá transportá-los na sua mala de mão em voos posteriores, porque não há a garantia de que tais produtos foram controlados com devida segurança.

Recorde que estas regras para os produtos líquidos, géis ou aerossóis não afetam a bagagem que vai para o porão.


E, se viajar com bebés? Posso colocar as suas coisas dentro da mala de mão?

Como já comentamos anteriormente, se viajar de avião com bebés, pode levar, além dos líquidos num necessaire transparente, uma bolsa com comida, bebida e outros produtos necessários para o bem estar do bebé durante o voo: leite, água ou sumo num biberão, purés, papas, toalhitas, fraldas, medicamentos, etc. A crianças a partir dos 2 anos são aplicadas as mesmas regras que são aplicadas aos adultos.

Férias com crianças

Dispositivos eletrónicos no avião. São permidos?

Os dispositivos eletrónicos tais como telemóveis, tablets ou portatéis, sem contar com as exceções impostas por alguns países como os EUA, são permitidos na bagagem de mão. Deverá colocá-los numa bandeja ao passar pelo controlo de segurança do aeroporto. Dentro dos dispositivos permitidos na bagagem de mão estão também incluidos MP3s, câmaras de vídeo, secadores, placas para o cabelo, gravadores, brinquedos a pilhas, máquinas de barbear ou escovas de dentes elétricas.

Lembre-se que existem companhias aéreas que não permitem a entrada no avião destes dispositivos, se não estiverem dentro da mala de mão.


Posso levar equipamento desportivo ou instrumentos musicais na mala de mão?

As companhias aéreas consideram o equipamento desportivo como equipamento especial, tal como acontece com os instrumentos musicais. Por isso, só poderá transportar na mala de mão aquele material que respeite as regras impostas pela companhia aérea, tanto a nível de peso, como de tamanho dos objetos permitidos a bordo. Deverá colocar no porão aquele equipamento especial que supere as dimensões da sua mala de mão ou aquele que se classifique como objeto proibido dentro da cabine.

Existem companhias aéreas que aceitam o transporte de instrumentos musicais dentro da cabine do avião, sendo este colocado num assento extra que deverá ser adquirido por si. Não obstante, cada companhia aérea tem as suas regras relativas ao viajar com equipamento desportivo ou com instrumentos musicais. Por este motivo, antes de comprar o bilhete e de preparar a mala, aconselhamos que consulte as condições sobre os equipamentos especiais, onde estão especificados os limites de peso e quantidade do equipamento a colocar no porão, assim como as tarifas adicionais e condições de embalagem e transporte.


É possível viajar com alimentos e bebidas dentro da mala de mão?

Deverá informar-se sobre as normas impostas pelos países de origem e destino para saber se pode ou não levar comida no avião, quer seja na bagagem de mão, quer seja na de porão.

Se o seu voo é desde um país da União Europeia até outro, não existem restrições ao levar alimentos dentro do avião.

- Mas, deverá ter atenção às limitações impostas pelas companhias aéreas sobre o tamanho e peso das malas de mão, e também as limitações sobre o transporte de líquidos nos aeroportos da UE. Tem em conta que a água ou outras bebidas, sopas, molhos, cremes, marmeladas, azeites, patés ou pastas de queijo são considerados líquidos.

- Aqueles alimentos (dietas especiais, comida de bebé, etc.) em estado líquido que vai usar durante a sua viagem devem estar sempre acompanhados de uma justificação (receita médica). Estes produtos deverão ser apresentados por separado no controlo de segurança.

- Além da mala de mão, pode levar contigo todos os alimentos e bebidas adquiridas nas lojas Duty Free localizadas depois do controlo de segurança. Estes alimentos irão em sacos de segurança homologadas e fechados, junto com o seu respetivo recibo de compra.

- Relativamente às bebidas alcoólicas, a União Europeia estabelece umas quantidades limites que, ao superá-las, deverá declará-las na Alfândega e pagar algumas taxas para evitar que as autoridades as confisquem.

Para voos até à UE provenientes de países terceiros, a regulamentação sobre o transporte de alimentos afeta os produtos de origem animal e seus derivados: carnes, peixes, mariscos, leites, queijos, embutidos, manteigas, empanadas, sopas, etc. Excecionalmente, o Regulamento não se aplica aos alimentos que forem para consumo particular, desde que a sua quantidade não supere os 10 kg e provenham de Andorra, Croácia, Gronelândia, Islândia, Faroé, Liechtenstei, Noruega, San Marino e Suíça.

Se vai viajar a um país extracomunitário, é melhor que consulte as leis do país de origem ou destino, relativamente à saída e entrada de alimentos. Alguns estados têm normas muito restritas em relação à saída de certos produtos, para evitar o comércio ilegal ou para proteger certas espécies. Outros, proibem a entrada de alimentos para evitar o contágio de doenças ou por crenças religiosas.

Por exemplo, nos Estados Unidos da América, existem vários tipos de arroz que são proibidos, ou seja, não poderá entrar no país se os tiver consigo; os países muçulmanos proibem a importação de qualquer produto que contenha carne de porco; não pode trazer de Cuba nenhum tipo de lagosta, seja em que quantidade ou forma for; na Rússia a quantidade de vodka ou caviar para levar do país é limitada.

Consulte a página web do aeroporto e a embaixada do destino para comprovar se pode levar comida dentro da bagagem de mão ou na de porão, e quais são as restrições de peso. Além destas leis, poderão existir outras regras impostas pela companhia aérea para levar comida e líquidos dentro do avião.


Caso tenha que viajar com medicamentos, posso levá-los na mala de mão?

Há sempre quem leve dentro da mala alguns medicamentos e outros produtos famacêuticos básicos. Mas, será que os podemos levar dentro do avião? E, se forem líquidos, a quantidade a transportar está limitada?

A resposta é sim. É possível viajar com medicamentos dentro da mala de mão ou em malas adicionais permitidas, mesmo que sejam líquidos.

- Antes de escolhermos que medicamentos levar na viagem, é importante ter uma noção do nosso estado de saúde e quais são as condições sanitárias no país de destino. Se sofrer alguma doença antes da viagem ou se esta for crónica, ou se viajar com crianças, peça um conselho ao seu médico para que lhe dê todas as informações e receitas médicas necessárias para a viagem.

- Além dos medicamentos que vai necessitar para o seu tratamento habitual, convém levar consigo um kit de primeiros socorros que contenha analgésicos e anti-inflamatórios para as dores e febre, anti-diarreicos, anti-ácidos, protetor solar, líquido para as lentes de contacto, repelente de mosquitos, etc.

- As companhias aéreas recomendam que os passageiros tenham este kit à mão, dentro da mala de cabine, para agilizar a sua apresentação no controlo de segurança.

- Os medicamentos líquidos, cuja quantidade supere os 100 ml., deverão ser levados na mesma bolsa transparente com os restantes líquidos.

- É, também, necessário demonstrar que estes medicamentos são para fins de tratamentos médicos durante a viagem. Por isso, os medicamentos devem ir dentro das suas embalagens originais (evitar sacos de plástico) e com as suas respetivas receitas médicas. Também deveremos levar uma outra receita médica que expresse a dose e a duração do tratamento, a apresenção e nomes comerciais dos mesmos. Um relatório médico é importante porque demonstra que tem de tomar os medicamentos que leva dentro da mala de mão.

- Existem substâncias, como a insulina, que não podem ir no porão porque podem alterar-se com as mudanças de temperatura, pelo que deverás levá-las na mala de mão.

- Se usa lentes de contacto, não pode levar na mala de mão um recipiente de líquido com mais de 100 ml, nem mais de 1L no total. É importante que saiba que em países como os Estados Unidos da América, as lentes de contacto precisam de receita médica, pelo que deverá levar as suficientes para a sua estadia, de forma a evitar uma ida ao oftalmologista para obter uma receita médica.

Caso viaje com utensílios médicos como seringas, agulhas, tensiómetros, termómetros, etc., é recomendável que se informe sobre as condições da companhia aérea antes de voar, para ter a certeza de que este material está ou não registado como artigo proibido a levar na mala de mão.

- O destino para onde vai é importante para saber que medicamentos deve levar contigo. Existem países onde a introdução de medicamentos é muito regulamentada, pelo que é fundamental que se informe sobre tais regras antes de viajar. Normalmente, na Europa não há problema em levar medicamentos de um país para outro, sempre que seja para uso pessoal.


Outros conselhos para preparar a bagagem de mão.

Depois de saber o que colocar dentro da mala, assim como as medidas e pesos permitidos, apenas resta conhecer alguns truques e recomendações para prepará-la de maneira a que não se esqueça nada importante para a viagem e que tudo vá organizado e protegido dentro da mesma.


Que mala de mão devo escolher?

Trolley, mochila, mala de desporto... Tem vários tipos de mala em casa que servem como equipamento de mão na sua próxima viagem? Se tem dúvidas em qual deles escolher, pense principalmente no peso que pretende colocar dentro da mala de mão e no tempo em que vai transportá-la durante a sua viagem. Primeiro, tenha em conta o trajeto que vai fazer desde a saída de casa até ao aeroporto e, uma vez no destino, como vai chegar até ao seu alojamento desde o aeroporto. Pense também, se durante a sua viagem vai visitar diversas localidades ou países porque terá que transportar consigo a mala de mão. As rodas e as alças permitem que transporte a sua mala sem a necessidade de carregar peso, mas também reduzem o espaço interno e aumentam o peso da mesma.

O material da sua mala terá uma grande influência na proteção dos artigos que queira levar dentro da mesma. As malas duras protegem melhor o conteúdo do equipamento, mas têm a desvantagem que pesam mais e são mais rígidas, o que diminui o espaço interior e dificulta a distribuição dos objetos. É também mais difícil colocá-las nos compartimentos superiores do avião ou por baixo dos assentos da frente. Por outro lado, as mochilas oferecem menos proteção mas são muito mais ligeiras e ocupam menos espaço, pelo que pode levá-las consigo de uma maneira mais cómoda.

Que mala de mão escolher

Quando devo começar a preparar a mala de mão?

Deverá ter em conta, primeiramente, o tipo de viagem vai fazer para determinar quando começar a preparar a mala. Secalhar há coisas que não tem em casa e que precisa de comprar (protetor solar, medicamentos, adaptadores, etc.). Aconselhamos a fazer uma lista com tudo o que considere necessário para as suas férias. Dia a dia irá adicionar coisas que se vá lembrando, ou eliminar as que considere inúteis.

Quando for arrumar as coisas, coloque tudo em cima da cama ou de uma mesa grande, para que tenha uma visão completa de tudo o que quer levar.

Faça um teste, mesmo que seja com os objetos desordenados e sem dobrá-los, para controlar se cabem na mala de mão e o quanto esta pode chegar a pesar.

Mala de mão

Como preparar a bagagem de mão? Truques para ganhar espaço.

- Guarde primeiro os elementos mais pesados como os sapatos, que darão estabilidade à base da mala. Coloque-os dentro de sacos para protegê-los e para que não sujem o resto da roupa.

- Aproveite os espaços dentro dos sapatos para colocar cintos, lenços, roupa interior ou meias. Depois, coloca as peças menos delicadas, como os pijamas, fatos de banho, camisas, calças ou saias. Não se esqueça de abotoar as camisas e dobrá-las para que fiquem com o mínimo de vincos possível.

- Se em vez de dobrar a roupa, a enrolar, esta ocupará menos espaço.

- Coloque na parte superior da mala o mais delicado ou frágil (souvenirs, objetos eletrónicos, bijutaria, etc.). Convém que proteja estes artigos com plástico (já que o papel ocupa mais espaço) para evitar que se partam ou estraguem.

- O último que deve colocar na sua mala é aquilo que vai usar durante o voo (medicamentos, um casaco para que se proteja do frio, água, toalhitas, etc.). O ideal é que o guarde nos departamentos externos da mala ou mochila, para que os tenha mais em mão. Deixe também um espaço na mala para colocar as coisas que vai usar antes de sair de casa (escova de dentes, pente, secador, carregador, creme, etc.).

- Se vai levar uma mochila, procure distribuir o seu conteúdo de modo a que nada o magoe nas costas (botas, sapatos ou outros objetos duros, etc.)

- Não se esqueça de levar um saco vazio para a roupa suja e outra mochila ou bolsa que ocupe pouco espaço. Esta última pode ser útil em alguma excursão ou numa ida à praia, ou até mesmo como bolsa de emergência caso a companhia aérea o obrigue a colocar a bagagem de mão no porão. É importante que coloque os seus pertences mais importantes dentro desta bolsa, caso a sua mala de mão vá para o porão ou se perca.

- E lembre-se, deixe algum espaço livre dentro da mala para colocar algum souvenir!


O que não deveria esquecer de colocar na mala de mão

Há coisas imprescindíveis em qualquer viagem e que deveriam estar nas primeiras alíneas da lista que faz (ou que deveria fazer) quando pensa no que vai colocar dentro da mala. Além da roupa, calçado e cosméticos, falamos dos documentos de viagem (Cartão de Cidadão ou Bilhete de Identidade, passaporte, visto, seguro de viagem, etc.), dinheiro, cartão de crédito, medicamentos básicos, telemóvel e carregador, chaves de casa, reservas de transporte e alojamento (disponíveis na Internet ou em papel) e uma série de números de telemóvel que possa contactar em caso de emergência (seguradora, embaixadas, etc.). Informe-se se precisa de um adaptador para poder carregar os seus dispositivos eletrónicos no país para onde vai viajar.

Entre estas coisas importantes, existem algumas que deveriam ir consigo, numa bolsa à parte ou dentro dos bolsos, e não na mala de mão. Caso os assistentes de bordo decidam colocar a sua mala no porão, retire todos estes objetos e leve-os consigo dentro do avião. Estamos a referir-nos à sua documentação, dinheiro, cartões, telemóvel, chaves de casa, câmara fotográfica, portátil, carregadores, joías e outros objetos de valor.


Tenha à mão, na sua mala de cabine, tudo aquilo que precisar durante o voo.

- Se precisar de descansar e tiver dificuldades em dormir, coloque uns tampões nos ouvidos, uma almofada de viagem e uma máscara tapa olhos.

- Leve um casaco caso tenha frio durante o voo.

- Cuidar da sua saúde durante a viagem é muito importante, por isso, se tiver que tomar algum medicamento, não se esqueça de levá-lo consigo no avião.

- Para que se mantenha entretido durante a viagem, não deixe em casa os auriculares e dispositivos (tablet, telemóvel, etc.) para que possa ver um filme, ouvir música ou jogar.

- Aconselhamos a comprar uma garrafa de água nas lojas do aeroporto (caso contrário tirar-lhe-ão ao passar no controlo de segurança), e a trazer de casa alguma comida. Assim evitará gastos a bordo do avião.

- Se a viagem for longa, terá que cuidar da sua higiene durante o voo. Por isso, deixe um espaço dentro da sua mala de mão ou na bolsa adicional que leva para colocar a escova e pasta de dentes, desodorizante, perfume, alcóol em gel ou toalhitas húmidas.

Sabia que muitos seguros de viagem contam com coberturas para proteger a sua bagagem?

Utilizamos cookies para te proporcionar a melhor experiência possível. Mais info.

fechar